Blog - 13 de julho de 2018

Qual rede social é mais adequada para médicos?

marketing-medico-rede-social

Essa é uma pergunta bastante comum entre os clientes que procuram uma agência para investir em mídias sociais. Instagram, Facebook, LinkedIn ou todas as afirmativas anteriores?

A verdade é que não existe fórmula de bolo e a estratégia é bastante individualizada, variando de acordo com os objetivos de marketing e a área de atuação de cada cliente. Para te ajudar, preparamos um resumo de como funcionam as redes sociais mais utilizadas para você conhecer melhor um pouquinho sobre cada uma delas.

Facebook

É a rede social mais democrática da atualidade! Do seu sobrinho ao seu tio avô, quase todo mundo tem um perfil no Facebook, certo?

O “Face”, como os mais íntimos costumam dizer, é uma rede social “coringa”: Quem está lá tem um trunfo nas mãos. Muitos usuários buscam referências de um profissional de saúde ou de uma clínica no Facebook, onde a fanpage representa o mesmo papel de um website no Google. Sendo que muitos acabam confiando mais nesta mídia, pois podem visualizar comentários, avaliações e enviar mensagens com facilidade.

Quais os maiores diferenciais do Facebook?

– Compartilhamento de post: Sua publicação pode aparecer para centenas de pessoas através do compartilhamento espontâneo dos seus seguidores, o que transmite bastante credibilidade e visualização para o seu conteúdo e consequentemente, para você!

– Publicação de link na publicação: Você pode publicar links externos e impulsioná-los, o que permite diversificar a sua divulgação e levar a atenção para seus outros canais de comunicação como YouTube, LinkedIn e até mesmo seu próprio blog profissional ou seu website.

– Diversos formatos de publicação: Você pode publicar fotos em formato carrossel e até produzir pequenos vídeos com músicas através da plataforma, o que permite diversificar bastante a sua comunicação, fidelizando seus seguidores com conteúdo interessante.

– Possibilidade de diagramação da fanpage: É possível editar a exibição da sua fanpage dividindo-a em “Especialidades”, “Tratamentos” e “Equipe”, por exemplo. Desta forma, o paciente consegue encontrar mais facilmente a informação que procura.

– Melhor custo benefício e alcance do Facebook Ads: É possível executar campanhas com maior alcance e menor investimento do que nas outras mídias. O segredo é saber segmentar bem os interesses e o perfil do seu público.

Instagram

Aqui, imagem é tudo! Fotos e imagens bonitas “vendem” seu peixe! Além disso, o nome da própria rede diz: é instantâneo e mostra com bastante espontaneidade o dia a dia do seu consultório ou da sua clínica, fortalecendo o relacionamento com atuais e futuros pacientes.

Há alguns anos, quando foi lançada, a rede era exclusiva dos jovens descolados. Com o passar do tempo, muita gente aderiu à novidade e hoje o “double-click” do Instagram caiu nas graças de pessoas de todas as idades e classes sociais.

Muita gente que não usa mais o Facebook aderiu exclusivamente à rede social de fotos para navegar pelas novidades da web. Dicas de saúde, dietas, receitas e algumas futilidades como memes e a vida dos famosos são os assuntos que mais ganham likes no Instagram, um prato cheio para chegar no seu público-alvo.

Quais os maiores diferenciais do Instagram?

– Stories: A gente se vê por aqui! O antigo jargão da TV Globo combina perfeitamente com a ferramenta que permite a postagem de vídeos rápidos, de até 10 segundos, que desaparecerão em 24h. Esse tipo de postagem promove a proximidade com seus pacientes, que assistem praticamente em tempo real a tudo que acontece dentro do consultório. Além disso, é possível postar novidades com mais volume sem saturar o seu feed de notícias.

– Hashtags: Outra vantagem do Instagram é a possibilidade de utilização das hashtags. Por exemplo, se você é um dermatologista e faz um post sobre botox utilizando a hashtag #botox, sua publicação aparecerá para pessoas que fizerem a pesquisa por este assunto. Interessante, não?

– Influenciadores: A parceria com um bom influenciador digital, alinhado certeiramente com o seu público, pode ser a chave para o seu perfil no Instagram bombar! Com milhares ou até milhões de seguidores, cada foto que eles postarem e citarem o seu @nome, terá milhares de curtidas e centenas de comentários. Como consequência, você ganhará muitos seguidores interessados em saber quem é esse médico e/ou essa clínica que o famoso frequenta.

LinkedIn

A rede social profissional tem ganho cada vez mais adeptos. Só no Brasil, são 40 milhões de pessoas conectadas através do LinkedIn!

Com perfil de conteúdo mais sério, voltado para negócios, carreira e economia, atrai um perfil mais qualificado de usuário e é ideal para trabalhar a sua imagem profissional e relacionar-se com seus pacientes e colegas de profissão.

Nesta mídia, o conteúdo sobre saúde não é tão abrangente e não existe espaço para memes, receitinhas e posts de saúde com imagens ilustrativas e divertidas, como no Facebook e Instagram. Mas se você é oftalmologista, por exemplo, vale postar um artigo de blog sobre como o uso excessivo do computador pode prejudicar a visão. Na Company Page de um Hospital, boas sugestões são posts relacionadas ao mercado da saúde, novidades tecnológicas
e notícias internas como expansão, aquisições e até mesmo ações de endomarketing. Além das oportunidades de carreira, é claro.

Especificamente na área médica, é bastante oportuno fazer este relacionamento online com colegas de outras especialidades, que poderão lhe indicar pacientes. Um oncologista, por exemplo, recebe pacientes indicados por dermatologistas, urologistas, ginecologistas, dentre muitos outros. Sabe aquele ditado: “Quem não é visto não é lembrado?”. Seja visto!

Quais os maiores diferenciais do LinkedIn?

– Direcionamento dos anúncios: Como é uma rede social profissional, a segmentação é altamente precisa. Se você quer falar com diretores de empresas, você consegue! Se prefere falar com médicos, também é possível acertar direto no alvo!

– Credibilidade: Produzindo um conteúdo relevante sobre um assunto que você domina, as outras pessoas podem te ver como uma autoridade neste assunto, o que favorece seu networking e faz com que você ganhe mais credibilidade na rede e consequentemente, no seu mercado. Como o LinkedIn é um canal para publicação de conteúdos mais ‘sérios’, este fator se intensifica ainda mais.

– Negócios: Isso mesmo, a plataforma é um excelente canal para fazer negócios. Portanto, se você é da área de saúde, mas também é empresário, nada melhor do que estar conectado com profissionais que poderão fazer parcerias valiosas com você. Poderíamos falar sobre as infinitas possibilidades disponíveis nas redes sociais por horas. No entanto, o melhor é avaliar bem o seu perfil, seus objetivos e as possibilidades de investimento que se encaixam melhor para a sua realidade.

Gostou do nosso conteúdo e quer bater um papo sobre as possibilidades de divulgação para o seu perfil?
Fala com a gente!

 

Texto: Júlia Rangel - Fundadora da Agência Burbury/ Estrategista de Comunicação

Texto: Júlia Rangel – Fundadora da Agência Burbury/ Estrategista de Comunicação