Blog - 23 de março de 2018

Promovendo a sua marca: Logo, Logotipo ou Logomarca?

Antes de entrarmos no assunto, gostaria de deixar claro as definições de:

Logo e logotipo

No grego, “logos” tem o sentido de conceito / significado. Já “typos” significa símbolo ou figura. Logo, a aplavra logotipo significa símbolo de um conceito. Por exemplo: se um cliente nos entrega um conceito a ser trabalhado, esse é o logo. A partir desse conceito, criamos ou não um símbolo gráfico, que seria o tipo. Ambas as palavras têm o mesmo significado.

Logotipo é uma forma alternativa da palavra logo. Um logotipo é composto pelo símbolo e pela tipografia, que unidos formam um logotipo. Resumindo, logotipo é a representação gráfica do nome fantasia de uma empresa ou produto em que só são utilizados o símbolo e a tipografia. Exemplos de logotipos são: Visa, Coca-Cola, Vivo e
outros. O logotipo pode ser registrado pelo Instituto Nacional de Propriedade Industrial – INPI.

blog-post-01

Em contradição, o nome registro de marca gera uma pequena confusão pois na verdade o logotipo é que é registrado e não a marca. O logotipo é uma parte da marca, que aparece nas peças gráficas da empresa. Por exemplo, o símbolo de uma empresa não é a marca em si, mas representa o conceito que a empresa deseja associar à sua marca ou produto. Exemplos: Apple, Audi, Starbucks…

Logomarca

É uma palavra praticamente inexistente no vocabulário dos profissionais do mercado de marketing e publicidade, mas é usada por clientes que a confundem com a palavra logotipo. Muitos a consideram como um neologismo, ou seja, uma palavra que foi inventada, abrasileirada, para a representação de uma nova forma de logotipo. A palavra marca vem da palavra germânica “marka”, e tem o mesmo significado do termo “logo”. Ao pé da letra,
logomarca tem o sentido de “significado do significado”, o que não faz nenhum sentido.

Marca

A marca é representada graficamente pela logo e por sua identidade visual. Compreende o símbolo, o logotipo, as emoções e as cores. É o principal elemento da identidade visual de uma empresa. É através dela que a empresa será reconhecida em qualquer lugar, independente do conceito gráfico em que está inserida. De um ponto de vista geral, a marca pode ser conceituada como a conexão entre uma empresa ou produto, sua missão, valores,
visão e seus consumidores.

Segundo o autor e professor Philip Kotler, conhecido como o “pai do Marketing moderno”, a marca tem até 6 níveis de significados: benefícios, atributos, valores, personalidade, cultura e usuário. Enfim, após a definição desses pontos, podemos enfim definir como promover a sua marca.

Uma marca precisa se promover, mas não é somente divulgar sem um planejamento ou estudo. Se você ainda não possui uma marca para sua empresa, agora pode ser o momento certo. Use estas técnicas simples na promoção da sua marca.

Faça a sua marca ser única: chamar a atenção do público, criando uma nova experiência para o usuário – algo que as pessoas ainda não viram. Em vez de fazer mais do mesmo, vá na direção oposta e seja mais criativo.

Estabilidade:

dedique um tempo no processo de desenvolvimento da sua marca para estabelecer e alcançar a aparência que você realmente quer. É melhor dedicar tempo suficiente no início e ajustar e planejar tudo para atingir o resultado desejado ao invés de refazer ele depois de ter sido revelado ao público. Em curto prazo, refazer sua marca, e tudo o que está envolvido com ela, incluindo cores, slogans e logo não transmite uma
imagem de confiabilidade e longevidade.

Estabilidade com Branding:

se você integrou sua logo no marketing de sua empresa, use-a em todo o lugar. Para que as pessoas respirem sua marca, suas moléculas precisam estar no ar. E a logo é uma molécula da marca. Ela deve aparecer em todos os seus materiais de marketing, como cartões de visita, website, itens impressos e embalagens.

Sua identidade deve aparecer em todos os seus produtos.
Gere ações promocionais: você pode ajudar sua marca a ser reconhecida pelo seu consumidor criando algumas ações de sampling. Isso poderá incentivar possíveis clientes a ter em mente a sua marca cada vez que eles são usados.

avatar-michel

Texto: Michel Santos – Designer Gráfico